Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Entrada Entrada Noticias Mais um estágio Erasmus concluído na Kerigma

Mais um estágio Erasmus concluído na Kerigma

Testemunho na primeira pessoa: Já está !!! O meu estágio de três meses chegou ao fim. O tempo passou tão rápido que eu tive a impressão que a minha estadia tinha sido curta, e realmente foi curta. Três meses não chegam para todas as coisas que eu gostaria de aprender durante este período. Quanto mais eu fazia as tarefas, mais a necessidade de aprender era maior. Infelizmente, devido ao tempo eu não pude prolongar a minha estadia. Então, vou embora com muita satisfação, mas com também com arrependimentos.

Numa perspetiva académica, o meu estágio foi exclusivamente dar assistência à coordenadora de projetos internacionais da Kerigma. No final do estágio, eu só posso dizer que aprendi muito sobre a união europeia. Eu estudei tudo isto na universidade, mas as políticas e suas condições eram um pouco estranhas para mim. Então, durante estes 3 meses, eu tive uma visão clara da união europeia, sobretudo nos projetos de educação e as oportunidades que se podem beneficiar deles, até mesmo para a comunidade extra. Adquiri algum conhecimento no uso da tecnologia, desenvolvi a minha capacidade de usar o programa Microsoft, a pesquisa bases de dados, etc.. Ler os diferentes projetos da União Europeia pode ser uma grande oferta para as pessoas e as atualizações vindas dos desenhos dos projetos ajudaram-me a entender muitas coisas. Eu penso que a Direção Geral de Educação e Cultura da Comissão Europeia é um meio pelo qual as pessoas precisam de aprofundar e irão assim encontrar um programa adequado para si mesmas.  

 Do ponto de vista pessoal, obviamente sendo uma estudante a passar um período fora há sempre pontos positivos que adquirimos. Desenvolve-se a mentalidade, confrontamo-nos com diferentes realidades, culturas, etc…Em Portugal foi o mesmo, pois descobri uma nova cultura, uma forma diferente de ver o mundo. Confrontei-me com realidades diferentes, porque também fiz na minha estadia um trabalho voluntário numa associação social (GASC). Isto ajudou-me a ver o “ter e não ter”, isto é uma realidade geral no mundo, mas as pessoas lidam com a vida de formas diferentes em cada parte do mundo. Após ver algumas coisas, somente não podemos fazer mais que abrir a nossa mentalidade.

 O português não é uma língua muito usada, então para me adaptar à cidade decidi tirar um curso. Quando cheguei eu era 0 na língua portuguesa, mas agora sou capaz de ter uma conversação a nível intermédio. Este é também um dos pontos em que tenho muito orgulho desta experiência.

Eu não tive a oportunidade de fazer muitos amigos, principalmente pela barreira da língua, e também notei que os portugueses são um pouco tímidos, mas eu faço parte das pessoas que acha que é necessário um pouco mais de tempo para fazer verdadeiros e bons amigos.

Eu visitei algumas cidades ao redor, mas eu irei usar algum do tempo que me resta aqui a fazer turismo. Esta é uma das vantagens de fazer um estágio de verão num lindo país.

Então eu irei terminar atirar uma moeda ao ar e dizer que eu irei regressar a Portugal, se não for em trabalho, pelo menos em turismo.

Muito obrigado Kerigma, pela hospitalidade, por me ensinar tudo o que aprendi de novo durante este estágio. Obrigado à Dinah, a minha professora de língua pela paciência e dedicação.

 

Obrigada Portugal !!!!!!

Acções do Documento

Caracterização

useng

Siga-nos no facebook
« Novembro 2017 »
Novembro
Do
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930
Parceiros

anqep.png


 cig.jpg


 iefp.png


 gov-pt.jpg


 ueuro.gif

Parcerias

cied   eaea

ecwt